Home     Sobre o Portal     Seções     Equipe     Links Úteis     Cadastre-se     Fale Conosco     Galeria de Fotos      Vídeos
Presidente Prudente,
CidadesPolíticaEducaçãoEsporteGastronomiaEntretenimentoBrasil & MundoPopularVídeos
 
 
Virada Cultural - 23/05/2016 (21:31) - Atualizado em 25/05/2016 17:18
A sonoridade poética de Maria Gadú contagia o público da Virada Cultural em Presidente Prudente
Por: Camila Mancini
Valeria Mancini
 
Apesar do frio e da chuva, o segundo dia da Virada Cultural atraiu milhares de pessoas para o Parque do Povo. Entre os shows mais esperados, estava o da cantora Maria Gadú, juntando histórias de vida, de amor pela arte e artistas. A programação do domingo começou às 11h, com a Orquestra Projeto Guri, e, às 14h, Reprise – La Mínima, ambos no Teatro Paulo Roberto Lisboa; e, às 15h, Humanus Comicus – com Nino Costrini, no SESC Therma de Presidente Prudente. Já no Palco Externo do Parque do Povo, o som continuou rolando sob os comandos das Bandas Karburalcool e Maglore. A Banda prudentina Karburalcool mostrou a que veio e contagiou os fãs do Heavy Metal, ritmo que tem consagrado a banda, não só em Prudente e região mas também em várias cidades do país. Às 18h30, subiu ao palco a atração mais esperada do domingo, acompanhada de seus músicos, a cantora Maria Gadú levou o público ao delírio e atraiu, para Presidente Prudente, pessoas da região e ,também, de outras localidades do país, que vieram com o Fã Clube, especialmente para o show. Ao cantar seus maiores sucessos, entre eles “Bela Flor”, “Tudo Diferente”, uma releitura da música “Ne Me Quitte Pas” e o clássico de sua carreira “Shimbalaiê”, composição de sua autoria e que lançou a cantora no mercado musical, ainda em 2009, fez com que fosse acompanhada por um coro da plateia totalmente em sintonia com ela e suas canções. Fãs, como Luana Soares, 21, que saiu de Teodoro Sampaio, na sexta-feira, falou da emoção ao assistir, pela primeira vez, ao show do seu maior ídolo e, também, da relação da cantora com todos os fãs, da proximidade e do carinho que ela tem para com todos eles “Eu cheguei de Teodoro Sampaio, na sexta-feira ,para garantir o melhor lugar no show. Eu já até perdi as contas de quantos anos a acompanho, tenho, até, uma tatuagem em homenagem a ela no meu pé e esse é o primeiro show a que assisto. Por isto, estava tão emocionada. Ela é um encanto, gosto de tudo nela, a maneira como trata os fãs, o carinho que ela tem, ela é maravilhosa”, declarou a jovem. Em entrevista para a jornalista Camila Mancini, Maria Gadú falou sobre a importância da Virada Cultural neste momento do país “Nós estamos em um período onde tudo está muito confuso, a gente não está conseguindo colocar, com clareza, quais são as prioridades da sobrevivência de certa forma e toda vez que existe a uma Virada Cultural ou que uma Secretaria de Cultura de uma cidade ou que o Ministério de Cultura realiza um movimento desse, que é proporcionar a arte, gratuitamente, para o povo, que é uma coisa linda para a população. Isto tem sido visto de uma forma conturbada, por conta da má informação que foi passada. Eu acho que a cultura é importante, porque é a espinha dorsal da nossa existência. É quem nós somos, a nossa memória. A cultura não se baseia só na música que a gente faz, isso é uma parte da arte. A arte é saber quem nós somos, o tipo de expressões que a gente fala, as palavras que a gente usa, os termos de cada local, isto é cultura do povo e a arte é onde isso tudo fica evidente, evidencia o nosso folclore, a nossa existência regional. Então, existir um evento, como esse, para mim, é primordial. Primeiro, que esse lance de ser gratuito é muito bonito, é o jeito como a arte tem que ser proliferada realmente”, explanou Gadú. Gadú disse, também, que a arte esteve presente em sua vida, desde muito cedo, e que isso se deve a eventos, como esse. “Eu sou fruto de eventos como esse, passei minha vida inteira vendo shows no Parque do Ibirapuera, de graça. Nosso estado tem essa cultura muito forte da germinação da arte gratuita. Então, desde pequena, eu vinha a shows pela cidade, de aniversários da cidade, via todos os meus ídolos gratuitamente, pelos SESC... Foi assim que construí toda a minha vivência musical, visual e corporal das coisas”. Respondendo sobre as iniciativas do projeto #SouMinas, Gadú disse que o projeto está em desenvolvimento. “ Eu fiz um projeto que está, ainda, em desenvolvimento, a gente realizou dois eventos, que foram o Sou Minas, para angariar fundos para a galera que sofreu o absurdo que aconteceu em Mariana. Em Mariana, foi o ocorrido, mas essa lama, suposta lama, que não é só lama, a gente está fazendo pesquisa com essa grana, levando água para a galera. Em cima disto, fiz a curadoria desse evento, para angariar fundos”, declarou. Segundo o balanço da Secretaria de Cultura de Presidente Prudente, os dois dias da Virada contaram com um público de aproximadamente 55.000 pessoas. Para o Secretário Municipal de Cultura, José Fábio Sousa Nougueira, essa foi uma das melhores Viradas Culturais já realizadas no município. E disse, também, que a crise envolvendo a área cultural no país pouco afeta as políticas culturais dos municípios. “ O balanço é positivo e creio ter sido uma das melhores Viradas. Quanto à crise na área cultural, sobre a ida/vinda do MinC, pouca coisa muda no sentido de verbas e políticas culturais nos municípios”, conclui o secretário.
Valeria Mancini
 
Listar todas de "Entretenimento"
 
mais lidas
Palmirinha na TV - 04/07/2012
BemSimples estreia novo programa de Palmirinha Onofre
Comédia - 21/08/2012
Diogo Portugal retorna a Prudente com o espetáculo, Portugal É Aqui!
No Pontal & Revista Très - 01/08/2012
Revista Très de Presidente Prudente é nova parceria do No Pontal
Radionovela - 08/05/2014
Radionovela, um sucesso do passado está de volta no rádio moderno
Devaneios e Neuroses - 12/07/2012
Romance! [BLOG]
últimas notícias
Música - 26/10/2017
Cantor Robson Almeida participa do programa "Domingo Show" neste domingo (29)
Teatro-Nova York - 03/11/2016
Prudentino estreia como assistente de direção em peça sobre a vida de Clarice Lispector, em NY
Show - 18/08/2016
Jazz de Casa abre o “Festival Jazz & Blues” do Sesc Thermas em PP
Virada Cultural - 24/05/2016
MPB, Rock, o Rap e a simpatia do “Gabriel O Pensador” arrebataram o público na Virada Cultural
Música - 20/05/2016
Pedro Scalon leva o repertório do Pop ao Jazz, nesta sexta-feira em Goiânia
 
 
PORTAL NO PONTAL
O Portal de Notícias do Pontal do Paranapanema
contato@nopontal.com.br
• Cidades • Política
• Educação • Esporte
• Gastronomia • Entretenimento
• Brasil & Mundo • Popular
• Vídeos
nos acompanhe
criado e desenvolvido por
Fabricio Modafaris
NO PONTAL • O Portal de Notícias do Pontal do Paranapanema © 2018 - Copyright | Melhor visualizado em 1024px / 768px