Home     Sobre o Portal     Seções     Equipe     Links Úteis     Cadastre-se     Fale Conosco     Galeria de Fotos      Vídeos
Presidente Prudente,
CidadesPolíticaEducaçãoEsporteGastronomiaEntretenimentoBrasil & MundoPopularVídeos
 
 
Violência contra a Mulher - 26/08/2016 (12:55) - Atualizado em 26/08/2016 12:58
Vacinação contra o Preconceito e Violência contra a Mulher é tema do Mutirão Social na capital
Por: Assessoria de Imprensa
A Rua Barão de Itapetininga será palco da abertura da Virada Sustentável no Centro e terá Mutirão Social realizado pela Rede Social do Centro, no dia 27 de agosto, a partir das 10h. O evento vai oferecer diversos atendimentos, todos gratuitos, e contará com a ajuda de mais de 200 voluntários de todas as áreas, que prestarão serviços diversos às pessoas em situação de vulnerabilidade social e à comunidade local bem como comerciários da região. Este ano o mutirão terá como tema o Combate ao Preconceito e Violência Contra a Mulher. O machismo é violento, disfarçado, enraizado e, infelizmente, ainda está muito presente em nossa sociedade. Durante o evento, participantes farão uma “vacinação” contra a violência à mulher, distribuindo panfletos educativos sobre o assunto. Crime de honra, assédio sexual, estupro, abuso econômico, constrangimento, cárcere privado e transformar a vítima em culpada, são alguns dos problemas enfrentados pelas mulheres no dia a dia. Como homem me solidarizo e faço parte da campanha da violência contra a mulher. O Feminicídio cresce assustadoramente. Nossa missão é ajudar na erradicação de toda forma de discriminação, ainda que velada, que talvez seja a forma mais perigosa que a declarada”, destaca Daniel Checchio, coordenador da Rede Social do Centro. Serviços O mutirão vai oferecer uma série de serviços gratuitos à população em situação de rua, aos moradores da região e às pessoas que circulam pelo centro. A ação terá atendimento ambulatorial, exames preventivos de saúde, emissão de documento – como Carteira Profissional e vagas de emprego, corte de cabelo, atividades lúdicas com crianças, orientação jurídica, atendimento e recebimento de denúncias por parte do Ministério Público Federal e da Defensoria Pública Estadual. Duas tendas farão o apoio às famílias. Uma delas será de acolhimento para familiares e dependentes de drogas que buscam atendimento e vagas para internação. Em outra tenda, profissionais e conselheiros vão orientar sobre o combate e enfrentamento á violência a mulher. Para Checchio, “enfrentar a exclusão social é um papel de toda a sociedade”, finaliza. Por que no centro? Quarta maior aglomeração urbana e 10.º maior PIB do planeta, paradoxalmente São Paulo tem, de acordo com o Censo da População em Situação de Rua, um pouco mais de 22 mil pessoas estão nessas condições, sendo que mais de 55% encontram-se no centro. O fato de o mutirão acontecer no centro da capital paulista é, portanto, emblemático. Afinal, apesar da pujança econômica e da importância da região na geração de emprego e renda para a cidade, o centro concentra grande contingente de moradores de rua. Rede Social do Centro A Rede Social do Centro nasceu em 2010, a partir da articulação da sociedade civil organizada em diversos bairros da região central em torno da necessidade de suprir a alta demanda da questão social da cidade. A iniciativa tem como principal objetivo incluir socialmente a população em situação de rua que circula pelo centro e oferecer serviços para a comunidade local em ações integradas. Em cinco anos de atividades, o projeto já fez mais de 257 mil atendimentos à população do centro da capital paulista. Parceiros: Secretaria Municipal de Saúde, Colégio 24 de Maio, Policia Militar, CET, CVV- Centro de Valorização da Vida, Teruya, CDL Sta Ifigênia, GCM, Comunidade Evangélica do Bixiga, Igreja Batista do Povo, Prefeitura de São Paulo, INSS, CAT –Móvel, Comunidade Nova Aliança, Recriar, Sociedade Bíblica do Brasil, Secretaria Municipal de Desenvolvimento e Assistência Social, Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social, Secretaria Municipal de Promoção da Igualdade Racial, Sub Prefeitura da Sé, Desperta Débora, Ministério Fogo Cruzado, Programa De Braços Abertos, Primeira Igreja Batista em São Paulo, Ação Local Barão de Itapetininga, ABPH – Associação Brasileira dos Portadores de Hepatite, Sindicato dos Comerciários, Igreja Jesus Vem. Saec, Secretaria Municipal de Política para as Mulheres. SERVIÇO: Data: 27/08 – Sábado Horário de atendimento: das 10 às 16 horas Local: Rua Barão de Itapetinga (da esquina da Avenida Ipiranga até a Rua Conselheiro Crispiniano) Serviços gratuitos
EBC
Foto ilustrativa
 
Listar todas de "Cidades"
 
mais lidas
Oportunidade - 27/02/2013
SENAI-Dracena está com inscrições abertas para cursos gratuitos
Pirapozinho - 06/06/2012
24ª Fejupi espera um público superior ao de 2011
Fejupi - 18/06/2012
Tudo pronto para a 24ª Fejupi com Show de Daniel
Centro Comercial - 03/09/2012
Nova ala do Prudenshopping vai gerar 550 novos empregos
Primavera - 15/09/2012
Dia 20 em Osvaldo Cruz tem Feira do Verde e Festa das Nações
últimas notícias
Idade avançada - 30/10/2017
79% dos brasileiros não percebe perda muscular com o avançar da idade, afirma pesquisa Unifesp
Leilão - 28/10/2017
Leilão on line oferece carros, motos e sucatas apreendidos pela Polícia Civil
Oeste Paulista - 27/10/2017
Municípios do oeste paulista assinam convênios em São Paulo
Comnbate ao mosquito - 27/10/2017
Neste sábado tem mutirão contra o mosquito da dengue em bairros de Prudente
Empregos - 27/10/2017
Mais de 300 ofertas de emprego para Prudente e região nesta sexta-feira
 
 
PORTAL NO PONTAL
O Portal de Notícias do Pontal do Paranapanema
contato@nopontal.com.br
• Cidades • Política
• Educação • Esporte
• Gastronomia • Entretenimento
• Brasil & Mundo • Popular
• Vídeos
nos acompanhe
criado e desenvolvido por
Fabricio Modafaris
NO PONTAL • O Portal de Notícias do Pontal do Paranapanema © 2018 - Copyright | Melhor visualizado em 1024px / 768px